Visão Sete

Siga-nos nas redes

Perfil

As conversas são como as cerejas: 'Fala com Ela', de Inês Meneses, estreia-se na SIC Radical

TV

Há 13 anos no ar, o programa Fala com Ela de Inês Meneses, na Radar, estreia-se no pequeno ecrã. Curiosa e atenta ao pormenor, a radialista abre a porta do estúdio às câmaras de televisão a partir desta sexta, 15, na SIC Radical

Esta não é a primeira incursão de Inês Meneses na televisão. Aos 20 anos, estreou-se no magazine Novas dos Novos, na RTP1, seguindo-se Onda Curta, curtas-metragens na RTP2, Prazer dos Diabos, na SIC Mulher, Tanto para Conversar, série de entrevistas na RTP2, e Irritações, na SIC Radical

Esta não é a primeira incursão de Inês Meneses na televisão. Aos 20 anos, estreou-se no magazine Novas dos Novos, na RTP1, seguindo-se Onda Curta, curtas-metragens na RTP2, Prazer dos Diabos, na SIC Mulher, Tanto para Conversar, série de entrevistas na RTP2, e Irritações, na SIC Radical

Direitos Reservados

Ao som de Jubilee Street, de Nick Cave, falámos com Inês Meneses ao telefone. Na Radar, uma parte das manhãs é da sua responsabilidade, mas é o programa Fala com Ela, no ar há 13 anos, e prémio da Sociedade Portuguesa de Autores para Melhor Programa de Rádio, em 2015, que dá agora que falar. Além dos ouvintes, o podcast tem cerca de 20 mil downloads mensais, um bom resultado para um programa que, apesar de ter alguma autonomia, está numa rádio de nicho. Inês Meneses faz questão de lembrar que Fala com Ela são conversas e não entrevistas. “Não me interessa saber tudo sobre aquela pessoa, vou fazer o papel da curiosa”, assume.

Atenta aos pequenos detalhes, Inês cria uma certa cumplicidade com os convidados, muitas vezes porque os conhece de ginjeira, outras porque abre o seu coração para os descobrir, à medida que também os apresenta aos ouvintes. Interessa--lhe o lado mais humano, os factos estão na conversa, por vezes, só como alicerce. Realizado por Ricardo Espírito Santo, Inês Meneses vai abrir a porta do estúdio de rádio às câmaras de televisão, remetendo para o universo de Howard Stern, mas sem a provocação do radialista norte-americano. Aliás, Inês não gosta de provocar gratuitamente. “Só trago ao programa pessoas de quem gosto, porque vou passar uma hora com elas. Não faço fretes. É como numa relação: tem de existir química.”

Para a estreia televisiva de Fala com Ela escolheu, de propósito, Júlio Isidro. “Boa parte do meu crescimento e da minha sede de descoberta, em relação à música e à televisão, deve-se a ele. Na televisão, há poucas pessoas com o seu nível”, justifica. Joana Vasconcelos, Adolfo Mesquita Nunes, Rodrigo Guedes de Carvalho, Fernando Alvim e Rui Maria Pêgo são alguns dos próximos convidados. Estas conversas, Inês sente-as como uma troca, uma partilha que permite pensar os assuntos de outra forma. O estúdio, habitualmente despido, estará adornado com objetos pessoais, como o porta-chaves do Nick Cave, um diário, anéis e brincos em cima da mesa, livros e um candeeiro. “Vamos tentar que o espírito da rádio se mantenha em televisão.”

Fala com Ela > Estreia 15 fev, sex 23h > repete na SIC Notícias