Visão Sete

Siga-nos nas redes

Perfil

'Mosaic', de Steven Soderbergh: Quem matou Olivia Lake?

TV

Antes de transformar Mosaic numa minissérie, o realizador Steven Soderbergh engendrou uma aplicação em que cada espectador encontra a resposta para o misterioso assassinato. A estreia mundial está marcada para esta segunda, 22, no canal TVSéries

A atriz Sharon Stone interpreta Olivia Lake, uma escritora e bem sucedida ilustradora de histórias infantis que se muda para a zona rural do Utah

A atriz Sharon Stone interpreta Olivia Lake, uma escritora e bem sucedida ilustradora de histórias infantis que se muda para a zona rural do Utah

Para fazer Mosaic, o realizador Steven Soderbergh enfrentou vários desafios. O primeiro de todos passou mesmo pela própria definição da ideia, sem saber o que lhe chamar. “Não é um programa de televisão e não é um filme. É outra coisa”, diz o cineasta americano de 55 anos ao site The Verge. Um filme não é de certeza. No limite, é televisão com laivos de jogo, porque a minissérie de seis episódios, que agora se estreia no TVSéries, começou como uma aplicação para telemóvel e tablet, em que a interatividade é a palavra de ordem.

O trabalho foi iniciado há três anos, com o desenvolvimento da tecnologia que permitiu fazer a app. São perto de oito horas de interatividade, quase parece uma produção de um canal de streaming que, habitualmente, disponibiliza todos os episódios de uma só vez. Tanto na minissérie, para ser vista em cinco noites seguidas, como na aplicação (disponível para iOs), no centro da trama está o misterioso assassinato de Olivia Lake. Quase a completar 60 anos, Sharon Stone, a eterna estrela de Instinto Fatal (1992), interpreta uma escritora e bem sucedida ilustradora de histórias infantis que se mudou para a zona rural do Utah. Um refúgio para uma vida de deceções, mentiras e corrupção. Em vésperas do Ano Novo, Olivia é encontrada morta e Eric (Frederick Weller), o seu amante, é preso e acusado de homicídio. Quatro anos mais tarde, a irmã de Eric, Petra (Jennifer Ferrin), tenta limpar o nome do irmão e inicia uma investigação amadora. Mosaic segue a história do crime e os quatro anos do processo legal em tribunal para apurar a verdade sobre o que aconteceu.

A minissérie escrita por Ed Solomon (Men in Black, Mestres da Ilusão) faz-se com o excedente das imagens realizadas para a app. Na televisão, isso não será possível, mas no telemóvel a história muda consoante o ponto de vista escolhido pelo espectador. “Este parece ser o tipo de história que beneficia de múltiplas perspetivas. Escrever e editar isso foi complicado”, explica Soderbergh. Estão também disponíveis materiais complementares para a história principal, incluindo relatórios policiais, mensagens de voz, e-mails e recortes de notícias. Mas quando se chega ao fim, tudo pode recomeçar, pois há outra narrativa para seguir.

Mosaic não é o primeiro trabalho do realizador Steven Soderbergh para a ficção televisiva. O vencedor do Oscar de Melhor Realização em Traffic (2000) já assinou Por Detrás do Candelabro, vencedora do Globo de Ouro para Melhor Série, e The Knick.

Mosaic > TVSéries > estreia mundial 22 jan, seg 1h > 22-26 jan, seg-sex 1h (novo episódio) > maratona 6 episódios 28 jan, dom 16h15