Visão Sete

Siga-nos nas redes

Perfil

Duas Portas Townhouse: Entre o rio e o mar, o luxo que sabe bem

Escapar

Tem charme de hotel, esta casa de família, longe da confusão, no sossego da Foz do Porto, e recuperada com traço de arquiteto. O projeto do Duas Portas Townhouse, explica Luísa Souto de Moura, responsável pela gestão, resulta da vontade de receber bem

A casa possui apenas oito quartos, todos com vista de mar, rio ou jardim. O projeto de arquitetura é de Luísa Penha

A casa possui apenas oito quartos, todos com vista de mar, rio ou jardim. O projeto de arquitetura é de Luísa Penha

Sem nevoeiro, a manhã convida ao passeio pela Marginal, de bicicleta 
ou a pé. Como um qualquer turista acabado de aterrar no Porto, seguimos a direção do mar, à procura de uma antiga casa de família, de finais do século XIX. Recuperada sem apagar as memórias do passado. 
O Duas Portas, que abriu em julho, tem apenas oito quartos, todos eles únicos, com vista sobre o rio, 
o mar ou o jardim.

Foi a localização, a arquitetura original e a proximidade com o centro da cidade que ditaram a escolha de Sarah Cannon, uma das hóspedes. A cientista irlandesa seguiu o conselho de alguns amigos e trocou Barcelona, que diz ter turistas a mais, pelo Porto. “Procurei um sítio sossegado e original, próximo do mar para relaxar”, conta. Sem tirar os olhos do mapa, traça o roteiro a seguir, depois de uma noite bem dormida à qual não faltaram “os encantos de uma casa e o conforto de um hotel”, continua.

Pensado, esboçado e executado por três mulheres da mesma família, o Duas Portas, projeto de alojamento local, nasceu muito da vontade de “receber como em casa, com serviço cuidado e atencioso”, conta Luísa Souto de Moura, filha do arquiteto Souto de Moura e a responsável pela gestão partilhada com uma tia. À mãe, Luísa Penha, também ela arquiteta, coube recuperar a casa e alguns móveis. Juntaram-se sofás e candeeiros de Siza Vieira, um sofá vintage, cadeiras de desenho nórdico e peças da Olaio. A mistura de épocas diferentes, sem rigidez, cria um ambiente intimista e tranquilo.

As cores, os materiais e as texturas guiam o percurso pela casa. É a simplicidade, encontrada a cada abrir de portas, que nos faz sentir tão bem. Podíamos facilmente acordar assim, todos os dias. E ainda nem chegámos ao pequeno-almoço, servido junto ao pátio. “É tudo muito bom”, afirma Luísa, enquanto mostra os morangos e mirtilos biológicos, os croissants e o pão feito em casa, o bolo de maçã caseiro, as sementes, os frutos secos e o sumo de laranja natural. Das flores aos objetos de arte, passando pelas camas e lençóis, 
há cuidado em cada pormenor, por mais pequeno que este possa parecer.

Duas Portas Townhouse > R. das Sobreiras, 516, Porto > T. 91 478 6518 > €100 a €150 (quarto duplo com pequeno-almoço)