Visão Sete

Siga-nos nas redes

Perfil

No Casario, no Porto, a alta cozinha faz-se a quatro mãos

Comer e beber

Os chefes de cozinha Miguel Castro e Silva e José Miguel Guedes partilham a assinatura da carta do Casario, uma ode aos sabores portugueses que acaba de abrir na Ribeira do Porto

A parceria entre José Miguel Guedes e Miguel Castro e Silva começou no restaurante DeCastro, em Vila Nova de Gaia

A parceria entre José Miguel Guedes e Miguel Castro e Silva começou no restaurante DeCastro, em Vila Nova de Gaia

Ricardo Castelo/NFACTOS

Os primeiros trabalhos a quatro mãos surgiram na outra margem do rio Douro, aquando da abertura do restaurante DeCastro, no Espaço Porto Cruz, em 2012, em Vila Nova de Gaia. Desde então, Miguel Castro e Silva contou com José Miguel Guedes como seu braço-direito, mas a parceria (e a empatia) haveria de se solidificar na preparação de jantares vínicos mais elaborados, favoráveis à partilha de ideias. Quando a Gran Cruz, marca líder nos vinhos do Porto, decidiu abrir um novo restaurante (e guesthouse) na Ribeira do Porto, voltaram a juntar-se os dois chefes de cozinha, com experiências e escolas completamente diferentes, na elaboração da carta do Casario. “Bebemos um do outro e conseguimos criar algo em conjunto que é mais do que a soma das partes”, confessa Miguel Castro e Silva. Uma “alquimia”, como descreve Jorge Dias, diretor-geral da Gran Cruz, que contribuirá para “uma experiência gastronómica diferenciada na Ribeira”.

O novilho, puré de tubérculos e cogumelos da época com molho de vinho do Porto

O novilho, puré de tubérculos e cogumelos da época com molho de vinho do Porto

Ricardo Castelo/NFACTOS

No Casario, ao contrário da oferta petisqueira do DeCastro, apostam na alta-cozinha e nas explorações do receituário português que, em tempos, distinguiram Miguel Castro e Silva no Porto (quem não se lembra do Bull&Bear?). A ementa é curta, com dois menus de degustação ao jantar (5 momentos €48, 7 momentos €58), e duas versões mais simples ao almoço (4 momentos €32, 5 momentos €36). Para acompanhar, não fosse esta uma casa de vinhos, pensaram-se em várias harmonizações. Há ainda o serviço à carta, em que constam pratos como a garoupa com uvas e açafrão (€23), as lulas, shiitake e cebolo com caldo fumado (€9), ou o novilho, puré de tubérculos e cogumelos da época com molho de vinho do Porto (€22). Nas sobremesas, voltam a destacar--se os sabores tradicionais em sugestões como maçã assada, creme de canela e sorvete de Porto 10 anos (€6), e mil-folhas de amêndoa com creme de queijo da serra e sorvete de frutos vermelhos (€7). A carta será renovada regularmente, em função dos produtos da época.

O restaurante ocupa um dos pisos da Gran Gruz House, um edifício do séc. XVII transformado em guesthouse, no coração da Ribeira do Porto. A decoração, da Nano Design, remete para o mundo dos vinhos

O restaurante ocupa um dos pisos da Gran Gruz House, um edifício do séc. XVII transformado em guesthouse, no coração da Ribeira do Porto. A decoração, da Nano Design, remete para o mundo dos vinhos

Ricardo Castelo/NFACTOS

Casario > Pç. da Ribeira, Viela do Buraco, 19, Porto > T. 22 766 2270 > ter-sáb 12h30-15h, 19h-22h30, dom 12h30-15h > menus de degustação: €32 e €36 ao almoço, €48 e €58 ao jantar