Conta-me como foi o 25 de abril

Conta-me como foi o 25 de abrilConta-me como foi o 25 de abril Fernando Negreira

Conta-me como foi o 25 de abril

O 24 de Abril de 1974 foi o último dia da ditadura.

A Guerra Colonial tinha começado em 1961, e opunha o Exército português aos guerrilheiros que lutavam pela independência dos territórios africanos que Portugal na altura governava: Angola, Moçambique e Guiné.

O governo chamava a esses territórios «províncias ultramarinas» (porque estavam para além do mar) e afirmava que faziam parte de Portugal da mesma forma que o Minho ou o Algarve. Na verdade eram colónias, ou seja, países com populações e línguas próprias que no passado tinham sido conquistados e ocupados pelos portugueses. Muitos países europeus tinham tido colónias em África, mas em 1973 ou 1974 essas colónias já se tinham tornado países independentes quer dizer, já não dependiam das metrópoles, que era como se chamava aos países colonizadores.

Mas o governo português da altura teimava em manter a posse das colónias, e por isso enviava para a guerra todos os jovens. O serviço militar a tropa, como se costuma dizer durava então quatro anos, os primeiros dois passados na «metrópole», em instrução e os dois últimos no «ultramar», em combate.

Muitos jovens morriam nos combates em África. Durante os 13 anos que durou a guerra perderam a vida quase 9 mil e uns 30 mil ficaram feridos ou estropiados. Quase todas as famílias estavam de luto, pois tinham pelo menos um morto na guerra. Em 1973, Portugal tinha 150 mil homens a combater. Muitos dos sobreviventes, depois de regressarem, mostravam dificuldade em integrarem-se na vida civil e eram frequentes as doenças psiquiátricas provocadas pela terrível experiência por que tinham passado.

Além disso, Portugal (que era, como agora, um país pobre) dirigia para as despesas da guerra cerca de metade do dinheiro que gastava. Portanto, quase não havia obras públicas; construíam-se poucas estradas, pontes, escolas ou hospitais.

A Guerra Colonial nunca poderia ser ganha pelos portugueses, pois o seu combate era contra a própria História. Quase toda a África era já independente.

Nesse tempo não se podia criticar o governo, mas como a guerra se arrastava, os mortos eram já muitos e as despesas cresciam cada vez mais, as pessoas passaram a estar fartas daquilo tudo. A certa altura, os militares começaram a ser apontados como os culpados por a guerra se arrastar.

Ora, como eles sabiam melhor do que ninguém que uma guerra daquelas nunca poderia ser ganha, resolveram derrubar o governo pela força. Fazer o que se chama um golpe de Estado.

Para isso fundaram o Movimento das Forças Armadas (MFA).

O que aconteceu no Dia da Revolução

O dia escolhido para a acção foi 25 de Abril de 1974. De madrugada, militares do MFA ocuparam os estúdios do Rádio Clube Português e, através da rádio, explicaram à população que pretendiam que o País fosse de novo uma democracia, com eleições e liberdades de toda a ordem. E punham no ar músicas de que a ditadura não gostava, como Grândola Vila Morena, de José Afonso.

Largo do Carmo, em Lisboa, no dia 25 de Abril

Ao mesmo tempo, uma coluna militar com tanques, comandada pelo capitão Salgueiro Maia, saiu da Escola Prática de Cavalaria, em Santarém, e marchou para Lisboa. Na capital, tomou posições junto dos ministérios e depois cercou o quartel da GNR do Carmo, onde se tinha refugiado Marcelo Caetano, o sucessor de Salazar à frente da ditadura.

Durante o dia, a população de Lisboa foi-se juntando aos militares. E o que era um golpe de Estado transformou-se numa verdadeira revolução.

A certa altura, uma vendedora de flores começou a distribuir cravos. Os soldados enfiavam o pé do seu cravo no cano da espingarda e os civis punham a flor ao peito. Por isso se falava de Revolução dos Cravos.

Ao fim da tarde, Marcelo Caetano rendeu-se e entregou o poder ao general Spínola, que, embora não pertencesse ao MFA, não pensava da mesma maneira que o governo acerca das colónias.

Um ano depois, a 25 de Abril de 1975, os portugueses votaram pela primeira vez em liberdade desde há muitas décadas.

Militares da Liberdade

Salgueiro Maia

Além do capitão Salgueiro Maia, que comandou a coluna de blindados saída de Santarém, outros militares desempenharam papéis muito importantes na preparação do 25 de Abril. O major Otelo Saraiva de Carvalho foi o comandante operacional, ou seja, dirigiu as operações todas a partir do quartel da Pontinha, junto de Lisboa.

Mas quem tinha as ideias mais claras sobre a necessidade de democratizar o País era o major Melo Antunes. Outros elementos muito importantes do MFA neste período foram o capitão Vasco Lourenço e o major Vítor Alves. Spínola veio a tornar-se Presidente da República, mas alguns meses depois demitiu-se por não concordar com a entrega das colónias aos seus habitantes. O que ele queria era constituir uma federação da «metrópole» com elas.

O Presidente passaria então a ser o general Costa Gomes.

O que mudou com a Revolução dos Cravos

Muitas coisas mudaram. As que indicamos a seguir são apenas algumas das mudanças mais importantes

ANTES DEPOIS
Só havia um partido político, a Acção Nacional Popular, que apoiava o governoPassou a haver muitos partidos políticos
Não havia eleições livresCada um pode votar no partido que quiser
As mulheres só podiam votar se tivessem concluído o curso secundárioToda a gente pode votar
As mulheres não podiam viajar sozinhas para fora do País sem autorização escrita do marido Mulheres e homens têm os mesmos direitos
Havia uma polícia política, com milhares de informadores em toda a parte, que escutava praticamente todas as conversas. As pessoas que tinham opiniões contrárias ao Governo eram presas Não existe polícia política e passou a haver liberdade de opinião
As pessoas casadas pela Igreja não se podiam divorciar
O divórcio estendeu-se a toda a população
Cada patrão pagava o que queria aos seus trabalhadores
Passou a haver um salário mínimo nacional

As notícias só podiam sair nos jornais depois de terem sido lidas e autorizadas pelos Serviços de Censura
A Imprensa é livre
Os jovens passavam quatro anos da tropa, dois dos quais na guerra

Acabou a Guerra Colonial. Uns anos mais tarde, o serviço militar deixou mesmo de ser obrigatório

Agora que leste este artigo, podes tentar fazer um quizz sobre o 25 de Abril! Carrega aqui.

Sabes que houve uma espécie de ‘ensaio geral’ do 25 de Abril que correu mal? Lê aqui sobre o Golpe das Caldas.

Relacionados

Mais Notícias

Reuniões remotas facilitadas com a Koibox-100W

Reuniões remotas facilitadas com a Koibox-100W

Export Home e IDF Spring: novidades do mobiliário e decoração regressam à Exponor em dose dupla

Export Home e IDF Spring: novidades do mobiliário e decoração regressam à Exponor em dose dupla

A coleção vibrante primavera-verão 2023 de Alexis Mabille desfila em Paris

A coleção vibrante primavera-verão 2023 de Alexis Mabille desfila em Paris

Bruxelas leva Portugal a tribunal por falta de medidas para combater espécies invasoras

Bruxelas leva Portugal a tribunal por falta de medidas para combater espécies invasoras

8 camisolas de gola alta para enfrentar este frio

8 camisolas de gola alta para enfrentar este frio

David Carreira e Carolina Carvalho foram pais pela primeira vez

David Carreira e Carolina Carvalho foram pais pela primeira vez

Em “Sangue Oculto”: Guilherme encontra Benedita no hospício

Em “Sangue Oculto”: Guilherme encontra Benedita no hospício

Ligação à Natureza domina casamento dos médicos Marta Alvarez e João Castro

Ligação à Natureza domina casamento dos médicos Marta Alvarez e João Castro

Amazon pede aos funcionários para terem cuidado com o ChatGPT

Amazon pede aos funcionários para terem cuidado com o ChatGPT

Governo deve atender a problemas com salários que estiveram congelados

Governo deve atender a problemas com salários que estiveram congelados

Como a compra de alguns medicamentos pode dar um sinal precoce de cancro no ovário

Como a compra de alguns medicamentos pode dar um sinal precoce de cancro no ovário

Maior avião elétrico e a hidrogénio voa durante dez minutos no Reino Unido

Maior avião elétrico e a hidrogénio voa durante dez minutos no Reino Unido

TVI assinala os seus 30 anos com festa de arromba!

TVI assinala os seus 30 anos com festa de arromba!

Leão (da Peugeot) cada vez mais verde

Leão (da Peugeot) cada vez mais verde

Três floristas para encher a casa de alegria e bons cheiros

Três floristas para encher a casa de alegria e bons cheiros

Os desafios da sustentabilidade ambiental

Os desafios da sustentabilidade ambiental

Os contrastes e as contradições do Irão no filme “Ursos Não Há”, de Jafar Panahi

Os contrastes e as contradições do Irão no filme “Ursos Não Há”, de Jafar Panahi

Marie-Chantal e Pavlos da Grécia: vida de luxo entre Nova Iorque, Grécia e Londres

Marie-Chantal e Pavlos da Grécia: vida de luxo entre Nova Iorque, Grécia e Londres

Grávida do terceiro filho, Charlotte Casiraghi marca presença no desfile da Chanel

Grávida do terceiro filho, Charlotte Casiraghi marca presença no desfile da Chanel

O vestido de casamento de Madalena Guedes Moniz é uma inspiração para futuras noivas

O vestido de casamento de Madalena Guedes Moniz é uma inspiração para futuras noivas

Fairly Normal: um pé no surf e outro na sala de reuniões

Fairly Normal: um pé no surf e outro na sala de reuniões

Adoráveis, atléticos, em pose. Estas são as melhores fotografias de cães do ano

Adoráveis, atléticos, em pose. Estas são as melhores fotografias de cães do ano

Raphael Navot, eleito Designer do Ano pela Maison & Objet

Raphael Navot, eleito Designer do Ano pela Maison & Objet

Únicos os cocktails, única a sua criadora. Bem-vindos ao Uni, o novo bar de Constança Cordeiro

Únicos os cocktails, única a sua criadora. Bem-vindos ao Uni, o novo bar de Constança Cordeiro

Shakespeare musical no Trindade

Shakespeare musical no Trindade

VISÃO Se7e: Guia para os Oscars – Onde ver os filmes nomeados nas principais categorias

VISÃO Se7e: Guia para os Oscars – Onde ver os filmes nomeados nas principais categorias

Veja as melhores imagens da Conferência dedicada às 1000 Maiores PME

Veja as melhores imagens da Conferência dedicada às 1000 Maiores PME

António Costa avisa que metro em Alcântara tem de estar concluído até ao último dia de 2026

António Costa avisa que metro em Alcântara tem de estar concluído até ao último dia de 2026

Investimento na floresta com evolução positiva mas insuficiente

Investimento na floresta com evolução positiva mas insuficiente

Faruk o cão que conquista as famosas! Saiba de quem é o dócil patudo

Faruk o cão que conquista as famosas! Saiba de quem é o dócil patudo

No Porto, interiores sob medida

No Porto, interiores sob medida

Comer menos ou fazer jejum intermitente: O que é mais eficaz para emagrecer?

Comer menos ou fazer jejum intermitente: O que é mais eficaz para emagrecer?

Os 4 maiores benefícios do tomate

Os 4 maiores benefícios do tomate

A vida de Amadeo de Souza-Cardoso deu um filme de  Vicente Alves do Ó

A vida de Amadeo de Souza-Cardoso deu um filme de Vicente Alves do Ó

Giambattista Valli apresenta estilo exuberante para a próxima estação na Semana da Alta Costura de Paris

Giambattista Valli apresenta estilo exuberante para a próxima estação na Semana da Alta Costura de Paris

Downloads cósmicos

Downloads cósmicos

OE2022: Pandemia custou ao Estado 4.135 ME no ano passado

OE2022: Pandemia custou ao Estado 4.135 ME no ano passado

A economia portuguesa na encruzilhada da incerteza global

A economia portuguesa na encruzilhada da incerteza global

Não contem comigo!

Não contem comigo!

Elon Musk procura investimento de três mil milhões para salvar contas do Twitter

Elon Musk procura investimento de três mil milhões para salvar contas do Twitter

Na primeira pessoa:

Na primeira pessoa: "Diziam-me: ‘Se não emagreceres, nunca vais encontrar alguém que goste de ti.’ Durante muito tempo acreditei nisso"

VOLT Live: como serão os custos dos carregamentos em 2023

VOLT Live: como serão os custos dos carregamentos em 2023