Mande uma carta pela luta dos direitos humanos
Sociedade

Mande uma carta pela luta dos direitos humanos

Este ano, a iniciativa da Amnistia Internacional, Maratona de Cartas, apela à proteção de pessoas com albinismo no Malawi, ao perdão de quem agiu em defesa do interesse público nos Estados Unidos, ao direito à liberdade de expressão na Turquia e que fotografar não seja um crime no Egito

Sociedade

A mexicana Yecenia foi libertada graças à sua assinatura

Nem todas as petições que assinamos caem em saco roto. E a boa notícia é que a mexicana Yecenia Armenta Graciano foi libertada dia 8 de junho porque houve sete milhões de assinaturas em todo o mundo, a pedir que saísse da prisão onde estava desde 2012

Até onde chegam os apelos da Amnistia Internacional?
VISÃO Solidária

Até onde chegam os apelos da Amnistia Internacional?

A Maratona de Cartas, uma campanha global que terminou em janeiro, já começou a dar os primeiros frutos. No Burkina Faso, por exemplo, o governo comprometeu-se em erradicar o casamento precoce e forçado de raparigas, aprovando uma estratégia nacional para os próximos anos

Uma assinatura pode mudar o mundo
VISÃO Solidária

Uma assinatura pode mudar o mundo

Que o Dia Internacional dos Direitos Humanos, que se celebra esta quinta-feira, 10, sirva de pretexto para participar na Maratona de Cartas, uma campanha global a decorrer até 10 de janeiro

Uma assinatura pode mudar o mundo
Sociedade

Uma assinatura pode mudar o mundo

Que o Dia Internacional dos Direitos Humanos, que se celebra esta quinta-feira, 10, sirva de pretexto para participar na Maratona de Cartas, uma campanha global a decorrer até 10 de janeiro