O teu destino para 2020

O que está a acontecer um pouco por todo o lado é termos os lugares mais bonitos do mundo invadidos por gente de todo o mundo que ao procurar essa beleza, a asfixia

Gonçalo Cadilhe
Ana Gomes: A ativista de serviço

Quem tem medo de Ana Gomes?

Uma candidatura de Ana Gomes é a pior notícia possível, não para Marcelo Rebelo de Sousa mas para… André Ventura. Ana Gomes navega, em parte, nas águas que o líder do CHEGA pensava ter, para si, como um mare clausum: o combate à corrupção, a denúncia dos podres da política e dos negócios, o ataque… ao sistema

Filipe Luís

Ler Saramago em Esloveno

E como é traduzir uma metáfora? É preciso ir atrás do autor e a certo momento calha que se apanha o estilo dele

João Pita Costa

Mudar de vida

Queira deitar-se neste, se faz favor. Fi-lo, timidamente, deixando os pés de fora da cama para não sujar nada, É assim que dorme? perguntou-me com rispidez. Não era, mas não tinha coragem de me enrolar em posição fetal à frente dos outros clientes que passeavam pelas avenidas bordejadas de camas com o “Last Christmas, I gave you my heart” a servir de banda sonora. Levantei-me ao fim de alguns segundos, Tem de ficar deitada pelo menos cinco minutos, repreendeu--me a funcionária

Dulce Maria Cardoso

Eu e as Redes

As redes sociais digitais são inevitáveis, são para onde tende todo o esforço humano desde que o primeiro hominídeo grunhiu à saída da sua gruta

Miguel Araújo

O cão comeu-me o Código Penal

Talvez haja energúmenos que são eternos insatisfeitos, e fiquem desapontados com a dimensão dos hematomas que provocam. Nesse caso, talvez se possa dizer que, de facto, é difícil saber se um agressor, agredindo, cumpriu o propósito de agredir

Ricardo Araújo Pereira

Palavras… leva-as o vento!

De promessa em promessa, o discurso do governo é o habitual, fácil e populista. As intenções, como sempre, ficam-se pelo papel. O resultado efetivo de tais promessas tem sido uma mão cheia de nada

José Ferreira

‘‘Vergonha’’, como diria o outro

No meio das várias queixas e acusações, Joacine fez uma declaração trovejante, ainda não suficientemente digerida pela opinião pública, e pelos média, genericamente benignos com o Livre: a sua gaguez e a cor da sua pele terão sido úteis para “sacar” a subvenção estatal a que os partidos com representação parlamentar têm direito – e, cumprido esse desiderato, Joacine ter-se-ia tornado descartável

Filipe Luís

Isabel e o dinheiro

Ao longo de anos, o mais importante foi saber se Isabel dos Santos tinha dinheiro; ninguém queria saber de onde ele vinha

Rui Tavares Guedes
A Lei de Bases da Saúde: de uma bandeira da direita a um símbolo da esquerda?

Governação clínica e incentivos aos médicos

O atual governo não escapará à necessidade de ter que encarar explicitamente esta questão, se quiser mudar alguma coisa na contratação dos médicos e na criação de um estatuto de “dedicação plena”

Manuel Delgado

Não façam do racismo um mantra

Tal como o feminismo ou os direitos de qualquer minoria, o combate ao racismo pode ficar a perder quando se torna uma espécie de prática religiosa sectária, sem discernimento nem bom senso

José Brissos-Lino

Gervásio, um homem levantado do chão

Ao Gervásio, devemos a liberdade e a democracia, as oito horas e outros avanços civilizacionais, não deixemos por isso que as novas gerações desconheçam que o fascismo existiu no nosso país. Nestes dias, cruzei-me com um vizinho que chegava a casa, noite avançada e gelada, carregava a bicicleta e a mochila da Uber Eats. Lembrei-me do Gervásio, da sua bicicleta e da luta das oito horas

Rita Rato

O calçado certo para homem para as aventuras outdoor neste inverno

Cada vez mais, muitos homens apostam em atividades outdoor para aproveitarem o contacto com a natureza, ar puro e como forma de exercício. Conheça as dicas do especialista João Jacinto para escolher o calçado adequado a este tipo de exercício

João Jacinto

O que vestir numas férias na neve

A especialista em moda Inês Margarida Martins sugere dois looks para que esteja confortável e pronta para enfrentar o frio, mas com estilo

Inês Margarida Martins

O difícil equilíbrio no setor imobiliário

É importante não esquecer que com o investimento imobiliário privado veio também a requalificação urbana das zonas históricas das cidades e o consequente renascer do património imobiliário português

Joana Maldonado Reis

Bem-haja, Lara Martinho

Despertar consciências, amaciar audiências e gerar consensos num tom de voz suave e cortês, usando palavras certas na hora certa, conseguindo discursos cheios de conteúdo, onde manifesta uma sensibilidade acima da média, estas são algumas das muitas qualidades de Lara Martinho

João Gago da Câmara

Ideias para aquecer a casa com este frio

Um ambiente convidativo, aquecido e acolhedor é a melhor coisa do mundo, por isso vou deixar aqui algumas sugestões a todos os friorentos, ou, então, a todos os que procuram simplesmente aquecer o ambiente da sua casa

Filipa Namora

As vidas de 2020

Há o L., que está repetir o 12º e que adormeceu num banco de cimento durante uma espera de duas horas pela aula seguinte, há a B., que é lésbica mas a mãe não sonha e, como castigo pelas más notas, só a deixar sair com as amigas (não com os amigos) e a C. que se sentia "bué alone". As muitas vidas que passam pela da professora Carmo Machado

Carmo Machado

PSD: daqui a dois anos, falamos

Tendo em conta que as diretas do PSD ocorrem de dois em dois anos, ou Rui Rio melhora os resultados eleitorais, ou, subentende-se, ainda poderá haver uma terceira volta... em 2022

Filipe Luís
“Agenda” de Joacine Katar Moreira provoca incómodo no Livre

Joacine, breve história da sobranceria

Queria dar um pontapé no estaminé, e quem leva o pontapé é ela. E agora o Livre está refém da sua construção

Mafalda Anjos

2020 e as tendências em Medicina Dentária

O objetivo de tudo na medicina dentária é fazer tratamentos o mais rápido possível, o mais estético possível e o mais duradouro possível

Eduardo Bastos

O intérprete de pássaros

Entrevistei Emanuel Divino Tchimbamba há alguns anos, num imenso mercado, entretanto desaparecido, da capital angolana. O antigo guerrilheiro montara uma pequena barraca, no coração do irrepreensível caos. Recebia ali quem quer que estivesse interessado em conversar com uma velha coruja, que Tchimbamba afirmava ser o espírito do lendário soba Caparandanda. A coruja, ou Caparandanda através dela, respondia a todo o tipo de questões, das mais domésticas e triviais às mais complexas e inusitadas, tendo Tchimbamba como tradutor

José Eduardo Agualusa