Artes Visuais

O Primo Basílio, em bailado

Nesta sua crónica, o grande queirosiano comenta a adaptação de O Primo Basílio ao bailado, por Fernando Duarte

Carlos Reis
Crónicas

Por um 2020 verde

Num domínio decisivo para o futuro de todos nós, 2020 começa muito bem para Lisboa. E começa muito bem para Portugal, porque sendo uma caricatura sem graça e um dislate sem nome aquela frase feita "o país é Lisboa e o resto é paisagem", certo é que Lisboa é a capital do país - e além disso, também por isso, uma espécie de seu símbolo. Sublinho-o sem esconder a minha qualidade de "nortenho" - militante

José Carlos de Vasconcelos
Crónicas

Evo Morales: O índio fora do lugar

Os acontecimentos dramáticos ocorridos na Bolívia seguiram um guião imperial que os latino-americanos começam a conhecer bem: preparar a mudança de regime de um governo considerado hostil aos interesses dos Estados Unidos (ou melhor das multinacionais norte-americanas)

Boaventura de Sousa Santos
Crónicas

Segunda oportunidade

Depois de ter sido perseguido pelos carabineros em Santiago, junto com um amigo, e de me terem queimado a cara com disparos de gás lacrimogéneo lançado a poucos metros, como contei na crónica anterior, lembrei-me de que esse mesmo amigo, um ano antes, me tinha oferecido uma garrafa de mescal artesanal, destilado por um seu companheiro, cuja marca era: Llorarás. Não poderia ter sido mais profético.

Afonso Cruz
Crónicas

O Mestre

Estes modos de pensar acerca do ato de ver são, para mim, a grande proeza de génio de Álvaro Siza. Em Porto Alegre é muito claro: ele presenteou o Brasil com o melhor que é imaginável, diz Valter Hugo Mãe sobre o grande arquiteto português na sua crónica Autobiografia imaginária

Valter Hugo Mãe
Crónicas

A obra de um humano

"Tudo o que um ser vivo faz e não merece a sua assinatura ou não faz de forma mais bela que os outros, não é obra, é uma forma de sobreviver", diz Gonçalo M. Tavares em Diário, a sua crónica no JL

Gonçalo M. Tavares
Crónicas

O melhor dos contentores possíveis

Os sonhos e os dilemas e as desgraças da casa da Dona Glória, em Na Hora de Comer o Treinador, a crónica de Patrícia Portela

Patrícia Portela
A Europa e a emergência climática
Crónicas

A Europa e a emergência climática

Nas grandes áreas geoeconómicas, a UE, apesar de todas as suas atribulações, tem conseguido manter-se como uma exceção. China, EUA e Índia tiveram aumentos sensíveis, mas a UE tem continuado, com a exceção de um ligeiro aumento em 2017, a reduzir as suas emissões.

Resiliência, crónica de Patrícia Portela
Crónicas

Resiliência, crónica de Patrícia Portela

Mas então diga-me o qué-que-hei-d’eu fazer, menina? Então ele não chegou ontem de novo bêbado a casa? Eram já aí umas 4 da manhã? Os euros todos as caírem-lhe dos bolsos, as calças a caírem-lhe p’lo rego abaixo, os atacadores desapertados, um bafo a macieira que não se aguentava, todo descomposto? E todos os dias é isto, o desgraçado já não sabe viver desde que voltou

Crónicas

Cabo Verde e a cidadania lusófona

Cabo Verde é absolutamente central, essencial e emblemático na construção da comunidade dos que têm a ligá-los uma velha bela língua, de par com muita história e cultura comuns

José Carlos de Vasconcelos
O Homem do Leme: Amor, um algoritmo
Crónicas

O Homem do Leme: Amor, um algoritmo

JORNAL DE LETRAS Era uma espécie de ginástica passiva aplicada às questões do coração, não havia como não experimentar. Ainda para mais atendendo à planura amorfa das suas vidas.

Manuel Halpern
Homem do Leme : Lisa III
Crónicas

O Homem do Leme Vinil, vidi, vici

A ausência de carros voadores talvez seja a mais extraordinária lacuna deste presente em que vivemos que foi futuro imaginado de outros. Ninguém diria que os carros se iriam conduzir sozinhos antes de ganharem asas, fazendo com que a sugestão "passa por cima" adquirisse finalmente uma dimensão literal. O futuro é uma coisa estranha. Não havia Maga Patalógica nem guru da ficção científica que adivinhasse algo tão monstruoso e complexo com a Internet: a maior invenção da História a seguir a Gutenberg. E quando apareceram os CD, nem nos apercebemos que estavam prestes a ser extintos.

Manuel Halpern
Crónicas

O Homem do Leme: Fé na Ciência

Os antigos egípcios acreditavam na vida para além da morte. E, por isso, preservavam os corpos, para, quando chegasse a hora, fosse mais fácil à alma encontrá-lo. Mas só os mais ricos. Os outros eram enterrados nas areias do deserto, na esperança que a amplitude térmica os preservasse. O

Manuel Halpern
Homem do Leme : Lisa III
Crónicas

Homem do Leme : Lisa II

A sua existência virtual estava ao rubro. Desde que assumira a identidade de Lisa Paris, e publicara umas quantas daquelas fotos que encontrara por acaso num túnel de um subúrbio, que a sua popularidade não parava de crescer.

Manuel Halpern
Homem do Leme : Lisa III
Crónicas

Homem do Leme: Lisa

O mural no Facebook mal disfarçava o facto de ele se ter tornado um homem solitário e desinteressante. Os amigos eram escassos, mesmo os falsos, e não tinha estatuto para ter inimigos

Manuel Halpern
Ecologia: O Brexit 
e o ambiente
Crónicas

Ecologia: O Brexit 
e o ambiente

"O Brexit é um acontecimento histórico, que agora apenas começou a produzir impacto. A incerteza reina sobre o médio e o longo prazo. Se Londres partilhasse a moeda comum, isso seria de imediato catastrófico para o conjunto da UE. Mas, como existe a libra, as consequências serão mais moderadas no curto prazo, não deixando, contudo, de contribuir para o aumento do caudal de desconfiança que vai corroendo os alicerces do projeto europeu."

Homem do Leme: Perguntas Frequentes
Crónicas

Homem do Leme: Perguntas Frequentes

"Há quanto tempo não usas uma caneta? Tens a certeza que ainda sabes como se escreve? Não, eu não estou a desatinar, tenho apenas algumas perguntas para fazer. E se estivesse, o que é que tu farias?"

Manuel Halpern
Ecologia: Arouca Sustentável
Crónicas

Ecologia: Arouca Sustentável

O mais relevante, contudo, será exaltar o significado político e ambiental dos Passadiços do Paiva. Trata-se de uma peça visível, integrada numa mais ampla e bem estruturada estratégia de desenvolvimento sustentável, liderada pela autarquia, em articulação com a sociedade civil.

Crónicas

Autobiografia Imaginária: Astur-Mirandês

Com organização da autarquia e da Associaçon de Lhéngua I Cultura Mirandesa, correram as II Jornadas Amadeu Ferreira. O que mais se torna inesquecível deste evento é a alegria de se encontrarem asturianos e mirandeses como amigos que se apartaram de terras mas que se reconhecem por coração.

Valter Hugo Mãe
Homem do Leme: Tinder
Crónicas

Homem do Leme: Tinder

Foi no Tinder que demos o primeiro beijo, Chama-me sentimental se quiseres, mas conservar-te-ei para sempre no meu mural.

Manuel Halpern
O Homem do Leme: Snapchat
Crónicas

O Homem do Leme: Snapchat

Esta mensagem que agora te envio autodestrói-se pouco minutos depois de tu a leres. Por isso fixa bem os detalhes, a forma como está escrita, os significados entreabertos, os significantes, as palavras esdrúxulas e as que são realmente graves. Esta mensagem vai autodestruir-se e se tu não responderes rapidamente eu vou negar tudo. Vou dizer que não te enviei mensagem nenhuma. Vou dizer que a mensagem não dizia nada daquilo. Vou dizer que tu é que extrapolaste significados absurdos de palavras banais, confundiste ferida com querida, tripúdio com repúdio, nexo com sexo. Trocaste o condicional pelo conjuntivo, a voz passiva com pela voz ativa, inverteste o predicativo do sujeito, tomaste uma adversativa por uma copulativa, tresleste e acrescentaste meia dúzia de palavras na tua tresleitura, é natural, estavas nervosa, sabias que a mensagem se iria autodestruir a qualquer momento.

O teatro radical de Heiner Müller
Crónicas

O teatro radical de Heiner Müller

A peça Quarteto, de Heiner Müller, foi banida na República Democrática Alemã. Agora foram encenadas duas versões de Jorge Silva e Melo e Carlos Pimenta.