Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Xanana Gusmão cumpre "obrigação" de visitar Guiné-Bissau como líder do grupo G7+

Lusa

  • 333

Bissau, 05 out (Lusa) - O primeiro-ministro de Timor-Leste, Xanana Gusmão, encara como uma "obrigação" a visita de quatro dias que iniciou hoje à Guiné-Bissau, uma vez que o estado timorense detém a presidência do grupo G7+.

O G7+ é uma organização criada em abril de 2011 que reúne 18 Estados-membros, entre os quais Timor-Leste e Guiné-Bissau, e que defende reformas no modo como a comunidade internacional apoia os países frágeis ou em situação de pós-conflito.

"Detendo Timor-Leste a presidência do G7+, teríamos uma obrigação" em visitar a Guiné-Bissau, "como expressão de solidariedade total, para trocarmos impressões", destacou Xanana Gusmão.