Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Walesa defende criação de "mandamentos laicos" para o futuro

Lusa

  • 333

Varsóvia, 21 out (Lusa) -- O ex-presidente polaco e líder histórico do sindicato Solidariedade, Lech Walesa, defendeu hoje a criação de um conjunto de "mandamentos laicos" que ajude o construir a sociedade do futuro, numa cimeira de Nobel da Paz em Varsóvia.

"É preciso chegar o mais rapidamente possível a um acordo sobre os valores comuns a todas as religiões, uma espécie de dez mandamentos laicos sobre os quais construiremos o mundo de amanhã", afirmou Walesa no discurso de abertura de um encontro de três dias de laureados com o Nobel da Paz.

Uma vez formulados esses mandamentos, defendeu, a comunidade internacional deve definir o sistema económico mundial. "Não será certamente o comunismo, nem o capitalismo que temos hoje", disse.