Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

UE/Saúde: Parlamento Europeu pede passaporte que controle segurança de implantes mamários

Lusa

  • 333

Estrasburgo, França, 14 jun (Lusa) - O Parlamento Europeu (PE) aprovou hoje uma resolução onde pede que as mulheres com implantes mamários tenham um passaporte que possibilite o controlo da qualidade, para evitar casos como o do fabricante PIP.

No passaporte, que deve ser assinado pelo cirurgião do hospital que colocou o implante, especificando as suas características, devem estar também incluídos os possíveis efeitos colaterais e advertências sobre riscos potenciais para a saúde e medidas para o cuidado pós-operatório e respetivo acompanhamento.

Os eurodeputados aprovaram a resolução por vasta maioria na sessão plenária de Estrasburgo, França, que hoje termina.