Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Turquia: Erdogan endurece discurso e diz que "há um limite para a nossa paciência"

Lusa

  • 333

Ancara, 09 jun (Lusa) -- O primeiro-ministro da Turquia, Racep Tayyip Erdogan, avisou hoje que a "paciência do governo tem limites" numa altura em que endurece o discurso contra os manifestantes antigovernamentais.

"Nós mantemo-nos pacientes, ainda estamos pacientes, mas há um limite para a nossa paciência" disse Erdogan aos milhares de apoiantes do Partido da Justiça e do Desenvolvimento (AKP) que o aguardavam no aeroporto da capital de Ancara depois de se ter deslocado a duas cidades do sul do país onde se reuniu com apoiantes.

"Ninguém deve estar pessimista. Ninguém deve preocupar-se. A Turquia já passou por muitos acontecimentos no passado e havemos de ultrapassar isto", afirmou Erdogan.