Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Trabalhadores da têxtil Unitefi admitem avançar para a insolvência da empresa

Lusa

  • 333

Figueira da Foz, 30 out (Lusa) - Os trabalhadores da têxtil Unitefi, sediada na Figueira da Foz, que possuem ordenados em atraso e os contratos suspensos desde setembro, admitiram hoje avançar com um pedido de insolvência da empresa em tribunal.

O eventual pedido de insolvência foi hoje discutido num plenário que juntou cerca de uma centena de trabalhadores, realizado na avenida marginal daquela cidade, em frente à casa de um dos administradores da fábrica.

"Ainda estamos à espera de uma solução mas estamos a preparar tudo [para a insolvência] caso não haja nenhum caminho", disse hoje à agência Lusa Fátima Carvalho, dirigente do Sindicato dos Têxteis do Centro.