Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Tecnopolo do Vale do Tejo investe em máquina inovadora no setor agroalimentar

Lusa

  • 333

Abrantes, 23 dez (Lusa) - O Tecnopolo do Vale do Tejo apresentou o primeiro equipamento do país de conservação por aquecimento óhmico, uma tecnologia alternativa à pasteurização convencional.

Instalado no Tecnopolo do Vale do Tejo - Tagus Valley, em Abrantes, este é um equipamento que implicou um investimento de 540 mil euros e que vai ajudar ao desenvolvimento de produtos na área agroalimentar, ficando disponível para todas as empresas portuguesas que o queiram utilizar e sem terem de investir na aquisição da máquina óhmica.

O aquecimento óhmico é um processo que, por aplicação de corrente elétrica no alimento, promove o aquecimento do produto.