Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Taxa Tobin só avança em coordenação com o resto da Europa - Paulo Núncio

Lusa

  • 333

Lisboa, 06 fev (Lusa) -- O secretário de Estado dos Assuntos Fiscais, Paulo Núncio, defendeu hoje uma introdução em Portugal do imposto sobre as transações financeiras em coordenação com o resto da Europa, garantindo que o Governo não vai avançar sozinho.

"O Governo considera desejável uma iniciativa conjunta por parte dos estados e que esta matéria seja harmonizada ao nível europeu", afirmou Paulo Nuncio numa audição parlamentar sobre a introdução da taxa Tobin.

O governante defendeu que esta posição coordenada permite minimizar distorções em termos de concorrência, de deslocalização de operações e evitar situações de dupla tributação.