Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Sintra: Ultraleve que caiu descolou com visibilidade reduzida e sem plano de voo - relatório

Lusa

  • 333

Sintra, 06 jun (Lusa) - O ultraleve que caiu no sábado em Sintra e que provocou a morte dos dois ocupantes, descolou com visibilidade reduzida e sem plano de voo, refere fonte do Gabinete de Prevenção e Investigação de Acidentes com Aeronaves (GPIAA).

De acordo com uma nota informativa oficial, a que a Agência Lusa teve acesso, o GPIAA esclarece que a aeronave descolou da pista da Tojeira, em Sintra, pouco depois das 16:00 horas, "com tempo marginal por o céu se encontrar encoberto, com nuvens baixas e visibilidade reduzida".

A bordo seguiam o piloto e um passageiro de 67 e 45 anos, respetivamente, que, segundo o GPIAA, descolaram com destino a Lagos, no Algarve, "sem que tivessem depositado qualquer plano de voo junto dos Serviços de Controlo do Tráfego Aéreo ou tivessem contactado com os Serviços de Informação de Voo".