Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

"Sete dias com os media" arrancam hoje para formar cidadãos em tempos de crise

Lusa

  • 333

Redação, 03 mai (Lusa) -- A iniciativa "Sete dias com os media" começa hoje, dia mundial da Liberdade de Imprensa, com o objetivo de sensibilizar para a leitura crítica da comunicação social, em particular durante a crise, disse à Lusa um dos organizadores.

Na sequência de "Um dia com os media" no ano passado, o Grupo Informal sobre Literacia para os Media (composto pela Comissão Nacional da UNESCO, Conselho Nacional de Educação, Entidade Reguladora para a Comunicação Social, Gabinete para os Meios de Comunicação Social e Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade da Universidade do Minho) lança, entre hoje e a próxima quinta-feira, uma "operação de sensibilização dos cidadãos para o papel e lugar que os media ocupam no seu dia-a-dia", explica a página do evento.

O professor da Universidade do Minho Manuel Pinto, que tem vindo a trabalhar o tema da literacia mediática há décadas, explicou à Lusa que "há um caminho a fazer, do ponto de vista da formação do gosto, da aquisição de instrumentos para ler mais criticamente o que se passa" e para se estar "de forma mais esclarecida perante a crise".