Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Seleção de 12 para os Mundiais de atletismo obriga a objetivos "mais modestos"

Lusa

  • 333

Lisboa, 02 ago (Lusa) - A seleção portuguesa para os Mundiais de atletismo de Moscovo, com 12 atletas apenas, fica "aquém das expectativas" dos responsáveis da Federação, que reconhecem que, este ano, os objetivos são "mais modestos" e não passam por medalhas.

"Não é a seleção que eu esperava, gostava de ter uma seleção maior, em que todos os atletas não tivessem tido os azares que alguns deles tiveram em termos de saúde e lesões", disse à agência Lusa Jorge Vieira, presidente da Federação Portuguesa de Atletismo (FPA).

Jorge Vieira refere os casos de lesão, que impediram que Naide Gomes, Nélson Évora, João Almeida ou Vera Barbosa, entre outros, fizessem uma boa preparação, bem como a gravidez planeada de Sara Moreira.