Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Segunda maior guerrilha da Colômbia anuncia ter sequestrado dois alemães

Lusa

  • 333

Bogotá, 05 fev (Lusa) -- O Exército de Libertação Nacional (ELN), o segundo maior grupo guerrilheiro da Colômbia, anunciou, esta segunda-feira, ter sequestrado dois cidadãos alemães, os quais considera serem "espiões", numa região fronteiriça com a Venezuela.

"As unidades do ELN capturaram, na região de Catatumbo, os senhores Breur Uwe e Breuer Günther Otto", alegadamente de nacionalidade alemã", indicou a guerrilha num comunicado publicado na sua página eletrónica, citado pelas agências internacionais.

Segundo os rebeldes, os dois cidadãos alemães "ao longo das semanas que estiveram detidos não conseguiram justificar a sua presença no referido território, pelo que são considerados, até ao momento, agentes dos serviços secretos e continuarão a ser investigados".