Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Saúde: Médicos do Hospital Particular de Lisboa encerram urgências e rescindem contratos

Lusa

  • 333

Lisboa, 01 jun (Lusa) -- Os médicos do Hospital Particular de Lisboa (HPL) encerraram as urgências às 00:00 de hoje e vão apresentar à administração a rescisão dos respetivos contratos às 09:00, por considerarem que não têm condições de trabalho.

Num documento entregue à Ordem dos Médicos, ao qual a agência Lusa teve acesso, os clínicos do HPL frisam que as condições de trabalho são "conflituantes e impróprias às obrigações éticas, técnicas e deontológicas que consubstanciam e são exigíveis pelas regras da 'legis artis' ao exercício profissional médico".

Um dos médicos disse à Lusa que a essa situação acresce ainda uma dívida ao corpo clínico que ronda um milhão de euros, havendo cirurgiões que não recebem "há dois ou três anos", enquanto a maioria dos clínicos não é paga "desde dezembro".