Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Saúde: Federação dos Médicos acusa Conselho de Ética de "fazer fretes" ao Governo

Lusa

  • 333

Lisboa, 02 out (Lusa) -- O presidente da Federação Nacional de Médicos acusou hoje o Conselho Nacional de Ética de estar a fazer "fretes ao Governo" quando defende que o Serviço Nacional de Saúde deve promover medidas para conter custos com medicamentos.

"Nos últimos tempos, há uma atitude clara da parte do Conselho [Nacional de Ética] de ir buscar assuntos que nada têm a ver com a questão fundamental que se coloca neste momento, que é o direito constitucional à Saúde", afirmou à agência Lusa o presidente da Federação Nacional de Médicos (FNM), Mário Jorge.

"Não minha opinião, [estas atitudes do conselho] não são nem mais nem menos do que fretes políticos ao Governo", sublinhou.