Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Rui Costa saiu da Movistar porque queria ser líder no Tour

Lusa

  • 333

Redação, 16 out (Lusa) -- O diretor desportivo da Movistar, que hoje viu a Telefonica prolongar o seu patrocínio até 2016, reconheceu que manter Rui Costa no plantel foi impossível porque o ciclista português queria ser o líder da equipa na Volta a França.

"Não foi possível manter o Rui Costa porque ele queria ser chefe de fila no Tour e nós não podíamos garantir-lhe isso e ele não queria renunciar a esse desejo", disse Eusebio Unzué.

O diretor desportivo da equipa espanhola, da qual o novo campeão do mundo faz parte até ao final da temporada, reconheceu que no Mundial de Florença estava a torcer por outro corredor da Movistar, o seu compatriota Alejandro Valverde.