Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Quercus exige apuramento de responsabilidades no fogo do distrito de Bragança

Lusa

  • 333

Mogadouro, 14 jul (Lusa)- A associação ambientalista Quercus exige o apuramento de responsabilidades sobre o incêndio que afetou os concelhos de Alfândega da Fé, Mogadouro, Freixo de Espada à Cinta e Torre de Moncorvo, no distrito de Bragança.

Em comunicado, os ambientalistas afirmam que nos quatro concelhos situados na zona do rio Sabor, o fogo destruiu floresta e áreas agrícolas, "no total de mais de 14 000 hectares, provocando avultados prejuízos".

Os fogos que tiveram início em Picões, no concelho de Alfândega da Fé, e na Quinta das Quebradas, concelho de Mogadouro, a 09 de julho, "afetaram mais de 14.000 hectares" no vale do rio Sabor e encostas envolventes.