Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Prostituição em Chaves motiva petição subscrita por 200 moradores e comerciantes

Lusa

  • 333

Chaves, 17 jan (Lusa) - Moradores e comerciantes da zona histórica de Chaves lançaram uma petição pública, subscrita por duzentas pessoas, exigindo uma maior vigilância policial para travar a prostituição na zona histórica, soube-se hoje junto de fonte envolvida na iniciativa.

A petição, com cerca de 200 assinaturas, refere que, ano após ano, a zona histórica se vai degradando tornando-se num ponto de desinteresse social e histórico devido à prática de comportamentos de risco e ilegais.

As autoridades e a autarquia, sublinha o documento, foram alertados para a situação, mas ignoram "por completo" as queixas.