Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

"Projeto neoliberal da Europa tem como objetivo destruir a coesão social" - economista

Lusa

  • 333

Paris, 22 mai (Lusa) - A economista Cristina Semblano considerou hoje em Paris que "Portugal e Grécia prefiguram um movimento global de construção de uma Europa neoliberal", onde o "existencialismo substituiria a solidariedade".

A economista e professora de economia portuguesa na Sorbonne, em Paris, e Vicky Skoumbi, editora de uma revista grega e co-redatora do manifesto "Salvemos o povo grego dos seus salvadores", deram hoje uma conferência sobre "O futuro neoliberal da Europa à luz dos paradigmas grego e português", na Residência André de Gouveia, na capital francesa.

Cristina Semblano considerou que tanto Portugal como a Grécia são "laboratórios da experimentação das políticas neoliberais da 'troika'" internacional de assistência financeira internacional.