Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Politécnico de Castelo Branco tem impacto de 40 milhões de euros na região

Lusa

  • 333

Castelo Branco, 24 jun (Lusa) - O Instituto Politécnico de Castelo Branco (IPCB) tem um impacto anual de 40,2 milhões euros na economia da região onde está inserido, anunciou hoje, em conferência de imprensa, o presidente da instituição, Carlos Maia.

Os dados apresentados resultam de um estudo coordenado pela Universidade do Minho e pelo Instituto de Ciências Biomédicas Abel Salazar, e desenvolvido pelos investigadores de Castelo Branco Sara Nunes e Luís Farinha.

Carlos Maia sublinhou que "o impacto do IPCB equivale a 5,6% do Produto Interno Bruto (PIB) dos concelhos de Castelo Branco e Idanha-a-Nova [localidades em que o politécnico tem escolas]".