Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

PM francês "chocado" com espionagem dos EUA, pede "respostas claras"

Lusa

  • 333

Copenhaga, 21 out (Lusa) -- O primeiro-ministro francês, Jean-Marc Ayrault, disse-se hoje "chocado" com as informações sobre espionagem norte-americana a chamadas telefónicas de cidadãos franceses e pediu aos Estados Unidos "respostas claras" sobre essas atividades.

"Estou profundamente chocado (...) É inacreditável que um país aliado como os Estados Unidos possa chegar ao ponto de espiar tantas comunicações privadas sem qualquer justificação estratégica, qualquer justificação de defesa nacional", disse Ayrault à imprensa em Copenhaga.

O primeiro-ministro francês pediu aos Estados Unidos "respostas claras que justifiquem as razões pelas quais essas práticas foram utilizadas e, sobretudo, que criem as condições de transparência para que lhes seja posto termo".