Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Perto de meio milhão de mortos no Iraque desde a invasão dos EUA - estudo

Lusa

  • 333

Washington, 16 out (Lusa) - Cerca de meio milhão de pessoas morreram no Iraque desde a invasão da coligação liderada pelas forças norte-americanas em 2003, revelou um estudo académico publicado na terça-feira nos Estados Unidos.

A última estimativa de investigadores universitários dos Estados Unidos, Canadá e da capital iraquiana, Bagdad, em cooperação com o Ministério da Saúde do Iraque, abrange não só as mortes violentas, mas outras mortes evitáveis relacionadas com a intervenção militar, guerrilha e colapso social subsequente.

O número de mortes avançado no estudo é muito superior ao de quase 115 mil mortes violentas de civis mencionado pelo grupo sediado no Reino Unido Iraq Body Count, que baseou o seu registo em relatos de órgãos de comunicação social, hospitais e morgues e estatísticas oficiais e não-governamentais.