Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

OE2013: Rendimentos mais baixos do setor privado são os mais penalizados pela subida do IRS - PwC

Lusa

  • 333

Lisboa, 13 out (Lusa) -- Os contribuintes do setor privado com rendimentos mais baixos vão ser os mais penalizados pela subida do IRS previsto na proposta preliminar do Orçamento do Estado para 2013, segundo as simulações feitas para a Lusa pela consultora PricewaterhouseCoopers (PwC).

Nos vários casos analisados pela consultora, a tendência é inequívoca: os rendimentos mais baixos sofrem sempre um agravamento fiscal mais pronunciado do que os rendimentos superiores e o IRS devido em 2013 chega a ser o dobro do devido em 2012.

"Relativamente aos funcionários do sector privado, o aumento de impostos é bastante notório e em determinados níveis de rendimento, a diminuição do rendimento líquido anual supera um salário", sublinha Martim Gomes, consultor fiscal da PwC, adiantando que se verifica, "em alguns níveis de rendimento, um efeito regressivo decorrente da passagem para um escalão de rendimentos com uma taxa superior a que seria aplicável em 2012".