Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

OE2013: Menor aumento no imposto sobre tabaco de enrolar é para evitar "morte do setor" - PSD

Lusa

  • 333

Lisboa, 05 dez (Lusa) -- O PSD diz que o recuo parcial no aumento da tributação prevista inicialmente no Orçamento para 2013 para o tabaco de enrolar pretende evitar a morte do setor e deixá-lo ao mesmo nível dos aumentos aplicados sobre os cigarros.

Os deputados aprovaram no final do último dia de votações na especialidade da proposta de Orçamento do Estado para 2013 uma proposta de alteração da maioria parlamentar PSD/CDS-PP que aligeirava o aumento proposto inicialmente pelo Governo nos impostos sobre os charutos, cigarrilha, tabaco de corte fino destinado a cigarros de enrolar e restantes tabacos de fumar.

Segundo as estimativas do Governo incluídas num documento a que a Agência Lusa teve acesso, a receita fiscal será menor em 40 milhões de euros no que diz respeito ao imposto sobre o tabaco devido às alterações ao orçamento.