Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Mourinho assume que expulsão de Nani foi crucial para Real Madrid ganhar

Lusa

  • 333

Manchester, Inglaterra, 05 mar (Lusa) -- José Mourinho reconheceu hoje que o árbitro condicionou o jogo e que, caso Nani não tivesse sido expulso, o Real Madrid não teria ganho ao Manchester United por 2-1 na segunda mão dos "oitavos" da Liga dos Campeões de futebol.

"O árbitro condicionou. Do mesmo modo que, há dois anos, se o Pepe não tivesse sido expulso, o FC Barcelona nunca mais nos ganharia, hoje tenho a convicção para pensar que 11 contra 11 não ganhávamos", assumiu o treinador português em declarações à TVI.

Para José Mourinho, o facto de o guarda-redes Diego López ter sido o melhor jogador em campo é sinónimo de que o Manchester United merecia passar aos quartos-de-final da "Champions".