Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Ministério Público arquivou inquérito a vice-presidente de Angola

Lusa

  • 333

Lisboa, 13 nov (Lusa) - O Departamento Central de Investigação e Ação Penal (DCIAP) arquivou o inquérito ao vice-presidente de Angola, Manuel Domingos Vicente, a um outro arguido e a uma empresa de investimentos e telecomunicações, revelou hoje a Procuradoria-Geral da República.

O inquérito a Manuel Vicente, Francisco Higino Lopes Carneiro e à empresa Portmill tinha sido instaurado "na sequência de uma averiguação preventiva, assente em queixa apresentada por Adriano Teixeira Parreira, por denúncia de transacções financeiras em bancos e instituições financeiras portuguesas".

O Ministério Público determinou a abertura de inquérito com vista à realização das diligências necessárias à investigação sobre a "existência de um crime, determinar os seus agentes e a responsabilidade deles e descobrir e recolher as provas, em ordem à decisão sobre a acusação", indica uma nota da PGR.