Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Justiça brasileira voltou a autorizar a concessão do estádio Maracanã

Lusa

  • 333

Rio de Janeiro, 14 mai (Lusa) - O Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro voltou a autorizar na segunda-feira a concessão do estádio Maracanã do Rio de Janeiro, que tinha sido suspensa por duas providências cautelares, informaram as autoridades judiciais.

A presidente do tribunal, Leila Mariano, rejeitou as medidas cautelares e autorizou a continuidade do processo de licitação, que está já aprovado e pendente apenas da assinatura do contrato para entrar em vigor, noticiou a Efe.

O vencedor da licitação para a gestão do estádio por 35 anos é um consórcio integrado pela construtora Odebrecht (90 %), IMX, companhia do magnata Eike Batista, e a norte-americana AEG.