Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Jovem que matou padrinho em Braga é imputável, sentença a 3 de outubro

Lusa

  • 333

Braga, 23 set (Lusa) -- O Ministério Público no Tribunal de Braga pediu hoje a condenação por homicídio qualificado de um jovem acusado de matar com 27 facadas o padrinho, depois de um perito ter dado o arguido como imputável.

Já a defesa pediu ao tribunal que no acórdão, a proferir em 03 de outubro, tenha em consideração uma série de atenuantes, sobretudo a difícil infância do arguido, que aos dois anos foi retirado aos pais, por alegadamente ser vítima de violência.

A idade do arguido (20 anos), a confissão dos factos e o arrependimento que demonstrou são outros fatores que a defesa hoje esgrimiu, nas alegações finais.