Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Itália forçada a pagar juros mais altos para colocar 4.500 milhões de dívida

Lusa

  • 333

Roma, 25 jun (Lusa) -- O Tesouro italiano colocou hoje o máximo pretendido de 4.500 milhões de euros em títulos a dois, cinco e 15 anos, mas foi forçado a pagar juros mais altos, que subiram para o dobro no prazo mais curto.

Segundo o Banco de Itália, uma emissão de 3.500 milhões de títulos a dois anos, com uma procura de 5.183 milhões de euros, foi colocada a uma taxa de juro de 2,403%, mais do dobro da de 1,113%, paga no anterior leilão desta maturidade em maio e o nível mais alto desde setembro do ano passado.

Na maturidade de cinco anos e indexados à taxa de inflação da zona euro, o Tesouro colocou 509,580 milhões de euros a um juro de 2,91%, também acima do juro de 1,83% pago no leilão anterior no final de maio.