Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Inspeção vai investigar clínica ilegal na Amadora que se disponibiliza a fazer abortos

Lusa

  • 333

Vila Franca de Xira, 15 mar (Lusa) - O secretário de Estado adjunto do ministro da Saúde disse hoje que a Inspeção Geral das Atividades em Saúde (IGAS) vai investigar uma clínica da Amadora que funciona ilegalmente e se disponibiliza, entre outros serviços, a fazer abortos.

"Vamos encaminhar o assunto para a Inspeção Geral das Atividades em Saúde, que saberá fazer a investigação correspondente e tirar as conclusões que forem necessárias", afirmou Fernando Leal dos Santos, à agência Lusa, após a inauguração do Centro de Saúde de Alhandra, em Vila Franca de Xira.

A Clínica do Bosque, no concelho da Amadora, apresenta na sua página na Internet uma lista de prestação de serviços de saúde que inclui a Interrupção de Gravidez (IG), apesar de uma funcionária, contactada pela Lusa, ter negado que estes atos médicos sejam praticados.