Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Igreja Anglicana em Moçambique apela à "misericórdia e espírito de diálogo" para fim da tensão

Lusa

  • 333

Maputo, 21 jun (Lusa) - O líder da Igreja Anglicana de Moçambique, Dinis Sengulane, pediu hoje "misericórdia e espírito de diálogo" ao Presidente moçambicano, Armando Guebuza, e ao líder da Renamo, Afonso Dhlakama, para o fim da tensão política que o país vive.

Homens armados que se supõem ser da Renamo (Resistência Nacional Moçambicana, oposição) atacaram na manhã de hoje um autocarro e um camião no distrito de Chibabava, centro do país, provocando um ferido.

O ataque segue-se à ameaça feita pela Renamo na quarta-feira de que iria impedir o trânsito rodoviário e ferroviário no centro de Moçambique, para travar a concentração de tropas governamentais, que estão supostamente a preparar um ataque à antiga base central do movimento, onde vive atualmente o líder do partido, Afonso Dhlakama.