Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Histórias de habitantes de aldeias do xisto cruzam-se com artes em Góis

Lusa

  • 333

Góis, 20 nov (Lusa) - O projeto "Xistórias" procura conhecer histórias de habitantes de aldeias do xisto para, com os mesmos, criar "pontes entre o passado e o futuro", numa performance a ter lugar nas aldeias, no sábado.

A performance artística pretende integrar o trabalho das artistas Eunice Gonçalves e Paula Roush com histórias que foram recolhendo, desde 01 de novembro, através do contacto com os habitantes das aldeias de Aigra Nova, Aigra Velha, Comareira e Pena, no concelho de Góis, pertencentes à rede das aldeias do xisto.

No espetáculo, que irá decorrer no sábado, procura-se "cruzar os materiais e histórias que são identidade daquelas aldeias com os materiais digitais", explicou João Correia, promotor do evento e membro da associação Salamandra Dourada, uma das entidades organizadoras.