Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Greves e quebras de produção nas minas faz "disparar" défice comercial da África do Sul

Lusa

  • 333

Joanesburgo, 31 out (Lusa) - O défice da balança comercial da África do Sul disparou em setembro para 13,8 mil milhões de rands (1,2 mil milhões de euros), mais 7,7 por cento relativamente a agosto, devido às greves e quebras de exportação de minerais.

As exportações de metais de base caíram 9 por cento em setembro e as vendas de minério diminuíram 4 por cento em comparação com o mês anterior, quando se começaram a multiplicar as greves não autorizadas no setor, em particular nas minas de ouro e platina, revelaram hoje estatísticas dos serviços sul-africanos de alfândegas, contribuições e impostos (SARS).

Os produtos mineiros representam em geral a maioria das exportações sul-africanas. Mas as exportações de outros produtos registaram igualmente quebras em setembro, com as de máquinas e produtos eletrónicos a caírem 15 por cento e de frutas e legumes 30 por cento.