Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Governo aprova nova lei da segurança privada

Lusa

  • 333

Lisboa, 06 dez (Lusa) -- O Conselho de Ministros aprovou hoje a nova lei da segurança privada, que cria regras mais apertadas para o exercício da profissão e intensifica a ação de fiscalização da PSP.

A proposta de lei estabelece também a obrigatoriedade de instalação de câmaras de videovigilância em bancos, farmácias, bombas de gasolina e estabelecimentos comerciais de grande dimensão.

Na conferência de imprensa realizada no final do Conselho de Ministros, o ministro da Administração Interna, Miguel Macedo, afirmou que atualmente é facultativo a instalação de câmaras de videovigilância, passando a ser obrigatório com a nova legislação.