Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Futebol: Bin Hammam suspenso provisoriamente pela Confederação da Ásia

Lusa

  • 333

Kuala Lumpur, 16 jul (Lusa) -- A Confederação Asiática de Futebol (AFC) suspendeu provisoriamente Mohammed bin Hammam, após uma auditoria interna ter revelado irregularidades financeiras envolvendo o dirigente do Qatar.

Bin Hammam luta contra uma suspensão eterna decretada pela FIFA, sob a alegação de participação em subornos, depois de ter enfrentado o atual presidente do organismo que rege o futebol mundial, o suíço Joseph Blatter, nas eleições do ano passado.

A AFC informou hoje que Mohammed Bin Hammam foi suspenso por 30 dias no âmbito de uma auditoria de quase um ano ordenada pelo organismo, que revelou "irregularidades" na "execução de certos contratos" e adulteração das contas bancárias da confederação.