Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Fesap desiludida com desfecho das negociações com o Governo sobre pensões

Lusa

  • 333

Lisboa, 25 set (Lusa) -- A Federação Sindical da Administração Pública (Fesap) manifestou-se hoje desiludida com o desfecho da negociação suplementar sobre a equiparação do regime de pensões do público e do privado que prevê um corte de 10% nas reformas do Estado.

"Saímos desiludidos [com o desfecho da negociação]. Não tínhamos ilusões, mas saímos tristes, porque quem está a pagar uma fatura muito pesada são os pensionistas", afirmou o secretário coordenador da Fesap, Nobre dos Santos, após uma reunião com o secretário de Estado da Administração Pública, Hélder Rosalino.

A Fesap reuniu-se hoje com Hélder Rosalino cerca de duas horas, no âmbito da negociação suplementar, sobre o diploma de equiparação do regime de pensões da Caixa Geral de Aposentações (CGA) e do regime de pensões da Segurança Social.