Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Ferguson abdica da conferência e o seu adjunto critica expulsão de Nani

Lusa

  • 333

Manchester, Inglaterra, 05 mar (Lusa) - O treinador do Manchester United, Alex Ferguson, não se apresentou na conferência de imprensa após a eliminação da sua equipa na Liga dos Campeões perante o Real Madrid, delegando no seu adjunto Mike Phelan, que considerou a expulsão de Nani "surpreendente".

"A nossa tática foi a correta e estávamos tranquilos, mas a decisão foi surpreendente", afirmou Phelan, em referência ao vermelho direto mostrado ao extremo português, aos 56 minutos, por uma falta involuntária sobre Álvaro Arbeloa.

No Estádio de Old Trafford, em Manchester, os "red devils" venciam por 1-0 quando Nani foi expulso, mas o Real Madrid igualou a eliminatória com um golo de Modric (66) e assegurou a passagem aos quartos-de-final com o 2-1 de Cristiano Ronaldo (69).