Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Farmácias: Mais de 1.100 farmácias com fornecimentos suspensos - estudo

Lusa

  • 333

Lisboa, 12 jul (Lusa) -- Mais de 1.100 farmácias têm atualmente os fornecimentos suspensos e a situação económica é de tal forma insustentável que não permite cobrir os custos fixos na maioria destes estabelecimentos, segundo um estudo que será hoje apresentado.

A investigação sobre a evolução da situação económica das farmácias foi realizada pelo economista Pedro Pita Barros, da Nova School of Business & Economics (Nova SBE).

De acordo com as conclusões do estudo, o número atual de farmácias com fornecimentos suspensos é de 1.131, representando um crescimento superior a 30 por cento (%) nos últimos três meses.