Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Ex-dirigente perdoa dívida à União de Leiria e termina processo com 14 anos

Lusa

  • 333

Leiria, 20 mar (Lusa) - O antigo presidente da mesa da Assembleia Geral da União de Leiria Artur Menezes revelou hoje que perdoou uma dívida de dois milhões de euros ao clube, terminando um processo que se arrastava em tribunal há 14 anos.

"Desisti dos processos porque a SAD está falida e a União de Leiria é o que é, não tem como pagar nem nunca vai ter. Não vale a pena tentar tirar dinheiro de onde não há. Foi roubado pelo João Bartolomeu", disse Artur Menezes à agência Lusa.

Em 1999, o antigo dirigente incompatibilizou-se com o então presidente da direção, João Bartolomeu, e afastou-se da União de Leiria, pedindo de volta o dinheiro que havia emprestado ao clube, cerca de um milhão de euros.