Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Évora: Câmara exige mais de 5ME ao Governo pela construção do Parque de Indústria Aeronáutica

Lusa

  • 333

Évora, 26 jun (Lusa) - A Câmara de Évora exigiu hoje mais de cinco milhões de euros ao Governo pelo investimento municipal na construção do Parque de Indústria Aeronáutica da cidade, onde estão a ser construídas duas fábricas da brasileira Embraer.

"Até agora, o Governo não pôs um tostão na construção do Parque de Indústria Aeronáutica e na concretização do projeto da Embraer", criticou o presidente da Câmara de Évora, o socialista José Ernesto Oliveira, em declarações à Agência Lusa. De acordo com o autarca, o município investiu "quase 10 milhões de euros" na compra de 107 hectares de terrenos e nas obras de infraestruturas do parque, a que se juntam "pouco mais de quatro milhões de euros de fundos comunitários", totalizando cerca de 14 milhões de euros.

"Temos insistido junto do Governo, mas o certo é que, até agora, ainda não veio nenhum" dinheiro para comparticipar o investimento do município na construção do Parque de Indústria Aeronáutica e esta "é uma das situações que complica a nossa situação financeira", afirmou. A Embraer está a construir, desde novembro de 2010, duas fábricas na cidade alentejana, uma dedicada a estruturas metálicas (partes de asas) e outra a materiais compósitos (componentes para caudas).