Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Euro/Crise: Itália e Espanha terminam semana com juros da dívida a bater máximos

Lusa

  • 333

Lisboa, 20 jul (Lusa) - Os juros exigidos pelos investidores para comprarem dívida pública espanhola e italiana continuam a subir, num movimento que foi hoje intensificado depois de a Comunidade Valenciana ter formalizado o pedido de ajuda ao Governo central espanhol.

Em Espanha, o diferencial relativo à dívida alemã (que serve de referência aos países que usam a moeda única) nas maturidades a 5 anos e a 30 anos subiu para o nível mais alto desde que o país aderiu à zona euro, situação semelhante à verificada no que toca à dívida italiana com prazo de dois anos.

"O pedido de assistência feito por Valência sublinha os receios sobre a capacidade que o Governo central espanhol terá para sarar as 'feridas' das comunidades", afirmou à agência de informação financeira Bloomberg Richard McGuire, estrategista do Rabobank International em Londres.