Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Duas novas brigadas reforçam este ano ataque inicial a incêndios no Algarve

Lusa

  • 333

Faro, 09 mai (Lusa) -- A constituição de duas brigadas para reforçar o ataque inicial a incêndios no Algarve, com 28 operacionais e oito veículos, é uma das novidades do dispositivo para este ano na região, revelou hoje o comandante operacional distrital.

As brigadas, que ficarão instaladas a sotavento (zona leste do Algarve) e a barlavento (oeste), visam suprir os constrangimentos detetados entre a chegada ao terreno dos meios de combate inicial e dos meios de ataque ampliado, situação que no ano passado favoreceu o alastramento do grande incêndio registado em Tavira e São Brás de Alportel.

O dispositivo para a região este ano conta, durante a fase Bravo (de 15 de maio a 30 de junho), com 343 operacionais de várias forças e 88 veículos, durante a fase Charlie (de 1 de julho a 30 de setembro) com 443 elementos e 112 veículos e durante a fase Delta (a partir de 1 de outubro) com 279 elementos e 76 viaturas.