Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Detidos quatro suspeitos da morte de alegado chefe de seita em Hong Kong

Lusa

  • 333

Hong Kong, 29 abr (Lusa) - A polícia de Hong Kong informou hoje que deteve quatro pessoas suspeitas de envolvimento no homicídio de um alegado chefe de uma seita, que foi morto à facada, no domingo, em frente a um hospital público.

De acordo com o jornal Standard, que cita testemunhas e uma fonte policial, o alegado chefe da seita Wo Shing Wo identificado como Tse, de 30 anos, foi atacado por homens vestidos de preto e com máscaras à saída de uma consulta médica no distrito de Sheung Shui.

O homem foi encontrado pela polícia inconsciente no chão e foi levado para o hospital, onde foi declarado morto uma hora e meia depois.