Visão

Siga-nos nas redes

Perfil

Deputado do PS pergunta ao Governo quem acode ao Baixo Vouga

Lusa

  • 333

Aveiro, 11 abr (Lusa) - O deputado do PS Filipe Neto Brandão, eleito por Aveiro, advertiu hoje o Governo de que a paralisação dos serviços do Estado ordenada pelo ministro das Finanças, pode causar danos irreparáveis no Baixo Vouga.

Exigindo a intervenção urgente para salvaguarda dos solos do Baixo Vouga, o deputado do Partido Socialista fez, perante a Assembleia da República, a pergunta à ministra da Agricultura, do Mar, do Ambiente e do Ordenamento do Território, sobre quem reparará e quando, o rombo nos esteiros de Estarreja e Canelas.

"Na semana em que se sabe que o senhor Ministro de Estado e das Finanças decidiu mandar parar a Administração Pública, ordenando a cessação imediata de quase todas as despesas do Estado, a ria de Aveiro resolveu desconsiderar tão elevada ordem e, ela própria, avançou sobre os solos aráveis do Baixo Vouga, rompendo a proteção que salvaguardava aqueles da água salgada. Ora, a manter-se a ordenada paralisação dos serviços do Estado, os danos serão irreparáveis", adverte Filipe Neto Brandão.